Abrir Menu

Fechar Menu

Cascavel Futsal mantém a tradição de ter pratas da casa na equipe

Cascavel Futsal mantém a tradição de ter pratas da casa na equipe

Com a chegada do técnico Cassiano Klein, o Cascavel Futsal promoveu três dias de treinos com os garotos do SUB-17 da ADECCA (Associação Desportiva e Cultural de Cascavel). Além dos jovens atletas comandados pelo técnico Edemilson Pereira, também estiveram na seletiva, os meninos da base que atuaram no time principal do ano passado. 

Para Edemilson, é muito importante essa integração com a comissão técnica de um time que disputa o Campeonato Paranaense e a Liga Nacional, para os meninos que irão representar Cascavel nos jogos da juventude esse ano. 

“ Eles (atletas) estão adquirindo maturidade para chegar no time de cima. Uma oportunidade dessa, o jogador tem que saber aproveitar. Gostei muito em conseguir, por intermédio do Cascavel Futsal, oportunizar essa experiência de crescimento para meu grupo. ”

Cassiano Klein gostou do que viu e acha que essa base está no caminho certo. O novo técnico da serpente também aproveitou e efetivou dois rostos novos porém já conhecidos pela torcida tricolor. Murilo e Changai chegaram ao Cascavel Futsal em 2017 e irão fazer parte do grupo na temporada 2019. 

Murilo Hinrick Monteiro Gois, tem 19 anos nascido em Cascavel, é fixo e começou na escolinha dos subtenentes, passando também pela escolinha do Country Clube aqui da cidade. Murilo participou do campeonato paranaense e liga nacional ano passado. Dentro de quadra o jovem se define como um atleta focado. Um jogador que gosta de entender o que o técnico busca dele taticamente. O seu objetivo profissional para esse ano é conquistar títulos pela serpente. Já pelo lado pessoal, é ingressar no ensino superior. 

Vinicius Daniel Silvério dos Santos, mais conhecido como Changai, também possui 19 anos e também nasceu em Cascavel. Canhoto, é um ala que costuma ser ofensivo. Ele deu seus primeiros chutes no futsal na escolinha do bairro 14 de novembro onde mora. Ano passado ele também teve a experiência de atuar no campeonato paranaense e na liga nacional. Changai se vê como um batalhador, sempre buscando alcançar seus objetivos.